Fale conosco

O que vc está procurando?

Márcia Piovesan

Música

Anderson Leonardo nega acusações do MC Maylon

Anderson Leonardo se pronuncia com depoimento em live nas redes sociais. Advogada de MC Maylon solta comunicado

Anderson Leonardo, do grupo Molejo
Anderson Leonardo, do grupo Molejo - Crédito: Reprodução / Instagram

O cantor Anderson Leonardo, do grupo Molejo, rompeu o silêncio sobre a acusação de estupro feita por MC Maylon nos últimos idas. Ele falou publicamente sobre o assunto durante uma live e negou as acusações. O artista disse que os dois tiveram uma relação sexual, mas aconteceu com consentimento.

Em sua declaração, Anderson usou palavras de baixo calão ao se defender.

“Comi? Comi. Estuprei? Não. Comi, com consenso. O veado (sic) estava colocando cada roupa colorida, aquele ‘bagão’ (sic) na frente, grande para c******, e com o maior bundão. Eu falei: ‘Compadre, vou botar no c* dele logo para acabar com essa p****. Botei no c* dele. Pensei que estava até apaixonado pelo c* dele. Mas depois que comi o c* dele, com consentimento, normal. Eu não preciso estuprar ninguém, não. Não preciso”, disse ele. 

VERSÃO DO MC MAYLON

MC Maylon se pronunciou sobre o caso por meio de sua advogada de MC Maylon, Fêh Oliveira. Ela compartilhou uma nota oficial sobre a acusação contra Anderson. Leia aqui:

“Venho, por meio desta nota, comunicar que assumi a defesa da vítima homossexual Maicon Douglas Nascimento, conhecido como MC Maylon, na denúncia de estupro e assédio sexual contra o cantor supostamente heterossexual Anderson Leonardo, vocalista do Grupo Molejo.

Diante da incontestável prova pericial apresentada à Polícia Civil pela vítima, o cantor entrou em contradição negando o que o mesmo havia comunicado em nota à imprensa publicada no dia 04/02/2021 e admitiu que houve a conjunção carnal (introdução do pênis e ejaculação no ânus da vítima).

Meu cliente vinha sofrendo diversos ataques nas redes sociais por pessoas que duvidavam de sua versão e o acusavam de oportunismo e que agora começam a acreditar na veracidade de seu relato.

O cantor aposta na prática comum de desmerecer a vítima como tese de defesa em crimes sexuais, como vocês acompanharam recentemente nos casos da modelo Mariana Ferrer e das atrizes Dani Calabresa e Duda Reis. A proximidade que os dois mantiveram após o crime se deu em razão de motivos profissionais, nas promessas de gerenciamento artístico da carreira do jovem MC.

No ensejo, repudio qualquer tentativa de imputação de chantagem à vítima ou à sua genitora, a empresária e mãe de santo, Jupira Pinto Nascimento. Mais uma cilada na estratégia torpe de defesa para tentar desmoralizar a vítima”, finalizou. 

Mais notícias para você

Famosos

Filho da cantora Solange Almeida adotou estilo de vida saudável Rafael Almeida recorreu a suas redes sociais para compartilhar com os seguidores a transformação...

Música

Esposa de Junior Lima, Monica Benini está grávida novamente e o músico comemora: ‘Alegria gigantesca’ O músico Junior Lima e a esposa, a designer...

BBB

Namorado de Viih Tube reclama dos comentários de Thais sobre Juliette: ‘Ciúme bobo’ Namorado de Viih Tube, o influencer Bruno Magri está de olho...

BBB

Em conversa com Gilberto, a dupla analisou o desempenho de Juliette durante a dinâmica da semana Após vencer a Prova do Líder na noite...

Copyright © 2021. Márcia Piovesan é uma marca de Márcia Piovesan 10 Comunicações. Perfil.com Ltda é subsidiária no Brasil de Editorial Perfil S/A. Este site é produzido em parceria de conteúdo Perfil Brasil e Márcia Piovesan.